Do smartphone ao porta-retrato: Saiba como imprimir suas fotos do Instagram

instagram-crop

Instagram é a rede social de compartilhamento de fotos e vídeos que mais cresce em número de usuários. As ferramentas disponibilizadas pelo aplicativo para smartphone conquistaram muitos amantes da fotografia que estão expandindo suas criações além dos dispositivos móveis e computadores e estão voltando a estampar suas fotos. Esse hábito havia sido deixado de lado com o surgimento das câmeras digitais e redes sociais. Esse é o caso da estudante de Relações Públicas Rayra Rodrigues, de 21 anos, que costuma imprimir suas fotos do Instagram para guardá-las em álbuns, quadros e porta-retratos:

“Com o Instagram eu posso editar as fotos rapidamente e com facilidade; os filtros e efeitos deixam a imagem muito mais bonita.”, contou.

A impressão também é feita de maneira simples e não demanda muito investimento: “Eu uso a impressora jato de tinta comum que tenho em casa e papel fotográfico.”, acrescentou Rayra.

Não é apenas entre os fotógrafos amadores que a impressão de fotos do Instagram tem feito sucesso. A fotógrafa Rafaela Coelho, de 29 anos, costuma utilizar seu smartphone para fotografar e muitas fotos são postadas na rede social e impressas: “A maior vantagem de usar smartphones na fotografia profissional é a praticidade e a velocidade com que as imagens são feitas, editadas, postadas e impressas.”, disse.

Se você quer produzir fotografias profissionais para imprimir, Rafaela dá a dica: “Vale a pena pesquisar lentes para celulares, filtros, aplicativos diferentes e até formas de tornar suas imagens rentáveis.”.

No fim de 2014, o CEO do Instagram, Kevin Systrom, declarou que a rede social já havia ultrapassado a marca de 300 milhões de usuários ativos. Ainda segundo Systrom, são mais de 70 milhões de fotos e vídeos compartilhados todos os dias. Desde 2010, quando o aplicativo foi lançado, já foram enviadas mais de 30 bilhões de fotos, que renderam 2,5 bilhões de curtidas.

Passo a passo

Para que o resultado da impressão saia como o esperado, é preciso tomar alguns cuidados básicos na preparação da imagem. Pense em como você quer utilizar a fotografia depois de impressa, no tamanho que deseja que ela tenha e no local onde ela ficará exposta. Depois, siga as dicas que listamos abaixo:

Tamanho da imagem: O primeiro passo para que uma foto do Instagram seja impressa com qualidade é adequar o tamanho da imagem. Quando postada no aplicativo, a imagem é ajustada automaticamente para as dimensões 612×612 pixels. Antes de imprimir a fotografia, o ideal é que você utilize um programa de edição de imagens e converta o tamanho de pixels para centímetros. Se você quiser imprimir a foto em um tamanho diferente do original, continue utilizando o editor de imagens para alterar a resolução da foto, promovendo o seu redimensionamento. Dessa forma, fica mais fácil manter a qualidade da foto e escolher o tamanho do papel.

Papel adequado: Escolha o papel fotográfico pensando nas características da imagem. Fotos onde são utilizados os filtros Lo-fi e X-Pro II, que realçam cores vivas e detalhes devem ser impressas em papel fotográfico brilhante para ganharem ainda mais destaque. Já as fotografias em preto e branco, como as que receberam os filtros Willow ou Inkwell, ganham um ar ainda mais retrô com o papel fotográfico fosco. Para não errar na escolha, o Gerente de Vendas da Creative Cópias, Abel Correa, indica os papéis glossy brilhantes, com gramatura de até 180g/m². Não se esqueça de verificar qual a gramatura suportada pela sua impressora antes de comprar o papel.

Tipos de impressoras utilizadas: Ainda de acordo com Abel, a impressora ideal para imprimir grandes quantidades de fotos são as Jato de Tinta coloridas: “Os modelos indicados são da marca Epson, que possuem tanque de tinta original de fábrica que podem ser recarregados com refis, o que gera muita economia.”, disse. Para aqueles que não imprimem fotos frequentemente, a impressora mais indicada é a Jato de Tinta Color HP, que é compatível com cartucho de tinta, evitando que haja entupimentos gerados por falta de uso.

Leave a Reply